Julgar !

Viver no automático !!
30 de novembro de 2017
Remoendo coisas do passado !
1 de dezembro de 2017
Exibir tudo

Julgar !

 

Julgar é um hábito de todo ser humano.
Julgamos para proteger a vida dos perigos, riscos, enganos. O julgar é um fator de sobrevivência, como por exemplo, verificar se tal animal é perigoso, se determinada comida é boa, se atravessar aquele rio pode ser fatal, se aquela pessoa pode me fazer mal e etc.
O grande problema é que extrapolamos o uso natural do julgamento e passamos a julgar as pessoas e as situações indiscriminadamente. Julgamos, rotulamos, damos um nome, classificamos e por fim “jogamos na cara” das pessoas a condenação: você é isso. Agora a confusão, o desentendimento e a briga estão formados.
O julgar vem de como eu enxergo as coisas. O julgar é um padrão subjetivo de avaliação. Ao julgar uso minha experiência do passado como base daquilo que julgo no hoje. Se a experiência foi boa, o julgamento é bom mas se foi mal meu julgamento será mal também.
Julgar é transferir para o outro, para as coisas ou para as situações, meus próprios conceitos, meus próprios rótulos.
Julgar é considerar-se a fonte do conhecimento, do saber e da razão.
Minhas medidas não são as medidas dos outros.

(Acrisio de Medeiros)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *